Go to Top

Como cuidar do meu aquário – Parte 3

Continuando a terceira e última parte de nossos dois artigos anteriores, leia a parte um aqui e a parte dois aqui, hoje vamos falar de alimentação e da manutenção do aquário.

Alimentação

A qualidade do alimento determina a longevidade, resistência a doenças e colorações dos peixes e também influi diretamente na qualidade da água de seu aquário. Alimentar um peixe é um dos papéis mais importantes que você exerce enquanto aquarista. A maioria esmagadora de hobistas que têm problemas com seus aquários, simplesmente não sabem alimentar e/ou alimentam com produtos inadequados e de má qualidade.

Importância da Alimentação

Em aquários, pode-se dizer sem medo de errar que 90% depende da alimentação correta e 10% de outros fatores.

MUITO IMPORTANTE! Como Alimentar seus Peixes!

A maioria esmagadora dos aquaristas iniciantes, pensa que alimentar é pegar um punhado de comida e atirar na água, ou então virar o potinho do alimento no aquário. Outros ainda pensam que precisamos alimentar “só um pouquinho”. Podemos dizer que todas estas maneiras estão absolutamente incorretas, e podem causar problemas sérios ao aquário se forem colocadas em prática.

Os peixes não precisam comer pouquinho, pois se isto ocorrer, terão problemas de desnutrição e ficarão mais suscetíveis a doenças e outros problemas. Mas também, os peixes têm uma capacidade limitada para comer, embora seu comportamento demonstre o contrário.

A melhor maneira de alimentarmos nossos peixes é criarmos um pequeno ritual, que se tornará um hábito, tanto para você quanto para os peixes. Este ritual começa com você fazendo o mesmo barulho toda vez que for alimentar seus peixes. Pode ser uma batidinha no vidro ou no móvel com o pote de comida, ou mesmo nas tampas de vidro. Com isso, toda vez que os peixes escutarem esse barulho, ficarão elétricos e terão a certeza de que irão receber alimento. Isto fará com que todos tomem posição para disputar a comida.

Jogue uma pitada com 4 a 6 flocos na água. Os peixes começarão a comer. Então você joga mais um pouco e espera que comam tudo. Joga mais um pouco e espera novamente. E assim, vai repetindo a operação até perceber o ímpeto dos peixes diminuir. Desta forma não há sobras, todos comem e a qualidade da água permanece inalterada. Se você jogar um punhado grande, e a comida se espalhar pelo aquário, certamente os restos que irão ficar entre o cascalho ou pela decoração irão apodrecer e prejudicar a qualidade da água, causando doenças. Nunca deixe espalhar nem sobrar alimento no aquário! Isto seria FATAL.

Manutenção do Aquário

Ao contrário do que muitos pensam, aquários não devem ser desmontados e lavados. A manutenção deste sistema consiste em sifonar (ato de aspirar água por meio de um sifão) o cascalho para remover os detritos que se acumulam por entre os pedriscos, e retirar cerca de 30% da água. Este procedimento deve ser feito uma vez por mês, ou, quando necessário.

A melhor água para usarmos em nossos aquários é a água de torneira tratada com um condicionador para eliminar todos os elementos que podem causar problemas aos peixes como o cloro e os metais pesados.

Limpe a cada 3 meses o rotor da bomba submersa (se houver) e da bomba do filtro externo. Troque a pedra porosa (se houver) mensalmente. Limpe os vidros a cada 2 ou 3 semanas com um limpador magnético ou esponja apropriada e faça testes periodicamente para evitar problemas. Para um aquário de 100 litros, gastamos de manutenção cerca de 20 a 40 minutos por mês, incluindo toda a manutenção, testes e alimentação. Portanto, aquários dão muito menos trabalho que qualquer hobby e que qualquer outro animal de estimação.

Filtros Externos: Imprescindíveis

Os filtros externos são aparelhos indispensáveis ao bom aquarista, pois permitem que haja filtragem mecânica e química, pois os refis apresentam camadas de perlon que retém qualquer partícula de sujeira e também carvão ativado.

Os filtros devem ficar ligados 24 horas por dia.

 

Os refis devem ser trocados uma vez por mês e lavados a cada 15 dias para apresentarem um ótimo desempenho. De nada adianta ter o filtro se não trocar o refil mensalmente. É na troca que se faz a filtragem.

Agora é só curtir o seu aquário!

Fonte: Aquarismo Brasileiro

WhatsApp Online